As vitórias e derrotas na Península de Setúbal

27 de Outubro 2021

Inês de Medeiros reforça vitória em Almada

Inês de Medeiros consegue reforçar a vitória em Almada, mantendo assim a Câmara na gestão do PS

A CDU, com Maria das Dores Meira, mantém os mesmos quatro eleitos na Câmara, ao recolher 21 006 votos, e uma percentagem de 29,69%.

CDU vence em Sesimbra mas sem maioria absoluta

Francisco Jesus reeleito. PS ganhou Freguesia de Quinta do Conde. Chega elegeu um vereador

No total dos votos, a CDU obteve 34,5% e três vereadores, o PS ficou com 30% e também três vereadores. O sétimo vereador ficou para o Chega, que foi a terceira força mais votada, à frente do PSD e do movimento independente Sesimbra Unida.

O PS conseguiu conquistar a Junta de Freguesia da quinta do Conde, a maior do concelho, sendo que nas outras duas a CDU segurou a maioria absoluta.

CDU pode perder Moita para o PS

Carlos Albino novo Presidente da Câmara da Moita

PS e já ganhou freguesias da Moita, Alhos Vedros e Gaio Rosário

Joaquim Santos sobe votação no Seixal

Henrique Freire, do Chega, foi eleito vereador na Câmara do Seixal, com 8,07% (5 022 votos) sendo o único eleito do partido de André Ventura no Distrito de Setúbal. Consegue assim ultrapassar o Bloco de Esquerda, que não elege Francisco Morais.

O comunista Joaquim Santos é reeleito presidente da Câmara do Seixal, com 23 485 votos, o que lhe confere 37,74%, e cinco mandatos (36,54% em 2017). O PS, com Eduardo Rodrigues como cabeça-de-lista obteve 19 204 votos que resulta em 4 mandatos e uma percentagem 30,86.

O PSD, elege Bruno Vasconcelos com 5 795 votos (9,31%).

Na votação para a Câmara, o PS vence na Freguesia de Fernão Ferro, e a CDU na União de Freguesias de Seixal/Arrentela/Aldeia de Paio Pires, na Amora e em Corroios.

Álvaro Amaro dá novo triunfo à CDU em Palmela mas ainda não chega à maioria absoluta

A CDU estás prestes a reeditar mais uma vitória com Álvaro Amaro em Palmela, mas pode não alcançar a maioria absoluta que perdeu há quatro anos.

Carlos de Sousa, cabeça-de-lista pelo Movimento Independente pelo Concelho de Palmela, é eleito para a vereação. Já José Calado, pelo MIM/CDS, perde o lugar que ocupava no executivo.

O PS, segunda força mais votada para a Câmara Municipal, mantém a Junta de Palmela e conquosta a Junta de Quinta do Anjo à CDU.

A CDU mantém as juntas de Pi hal Novo e da União das Freguesias de Poceirão e Marateca.

PS à frente no Montijo mas deve perder maioria absoluta

O PS, com Nuno Canta, lidera a votação para a Câmara Municipal do Montijo, mas está em risco de perder a maioria absoluta reconquistada há quatro anos.

A coligação PSD/CDS/Aliança é neste momento a segunda força política mais votada.

A CDU conquistou a Junta de Freguesia de Sarilhos Grandes ao PS.

CDU à frente em Setúbal deve vencer com maioria relativa

André Martins garante CDU na Câmara Municipal de Setúbal com maioria relativa

Na votação para a Câmara Municipal a CDU tem mais 1100 votos do que o PS e para a Assembleia Municipal essa vantagem é de 1050 votos.

Com estes resultados, a CDU tem garantidos 5 vereadores, o PS 4 e o PSD 2.

BARREIRO

Comments are closed.

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.