Comitiva procura financiamento para terminal no Barreiro

comitiva
Uma comitiva composta pelo presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), o vereador da CMB com a pasta do Planeamento, Ordenamento do Território, Ambiente, Paisagismo e Mobilidade, e pelos presidentes da Administração do Porto de Lisboa (APL), do Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) e da Estradas de Portugal REFER, deslocou-se a Bruxelas no sentido de aferir das possibilidades de financiamento para ampliação da atividade portuária no concelho do Barreiro. O presidente do município do Barreiro adianta que há, de fato, “disponibilidade financeira” para apoiar o investimento portuário na Área Metropolitana de Lisboa (AML) e no Barreiro.
Carlos Humberto sublinha que “trata-se agora do Governo” e das “entidades públicas em Portugal prepararem as respetivas candidaturas”, acrescentando que o “grupo, particularmente a APL, está a preparar essa candidatura”. A Administração do Porto de Lisboa anunciou que “vai lançar em fevereiro o concurso público internacional para o desenvolvimento do Estudo de Impate Ambiental (EIA) para instalação de um terminal de contentores no Barreiro”.

O anúncio surge após a Agência Portuguesa do Ambiente ter estabelecido um prazo de dois anos para o início da avaliação de impato ambiental e depois de analisar a proposta de definição do âmbito do EIA do projecto “Terminal de Contentores do Barreiro”, apresentada pela APL. A administração da infra-estrutura portuária entende que “esta metodologia permitiu que estejam agora reunidas as condições técnicas e legais para um exercício exemplar de transparência” e “profundidade no estudo” e “precaução dos riscos ambientais que venham a ser identificados no âmbito do projeto do novo terminal pelo EIA, cujo concurso público internacional vai ser lançado em fevereiro de 2015”.

Veja mais em ::::> SeTúbal na Rede

Comments are closed.

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.