Em pleno espaço

Afinal foi “um ato de sexo oral em pleno espaço” que esteve na origem das agressões na festa do ‘Avante!’.

pcp
O Partido Comunista Português emitiu um comunicado sobre as notícias deste fim de semana a propósito das queixas–crime de várias pessoas às autoridades policiais sobre alegadas agressões, sequestros e roubos feitos por seguranças da Festa do ‘Avante!’, na Quinta da Atalaia, no Seixal.

Afinal, diz o partido, “a afirmação e sustentação da intervenção dos serviços de apoio da Festa do ‘Avante!’ porque duas pessoas do mesmo sexo se teriam beijado é tão falsa quanto ridícula. A verdadeira razão do incidente que conduziu à saída das pessoas do recinto da Festa teve origem num ato de sexo oral em pleno espaço.” É uma questão de proporcionalidade – quantos carolos merece um ato em pleno espaço?

E foi assim que a cena de pancadaria ficou a parecer mais o exercício de justiça popular do que atividade séria de seguranças ao serviço numa festa de um partido político que parecia ter já, no seu conjunto, ultrapassado o torpe destino que deu a Fogaça em 1961. É o que se chama perder a razão em pleno espaço.
Veja mais em :::> Correio da Manhã

Comments are closed.

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.