Escola Profissional de Setúbal protesta contra salários em atraso junto ao Ministério da Educação

ESCOLA-DE-FORMAÇÃO-SETUBAL
Trabalhadores da Escola Profissional de Setúbal (EPS) com salários em atraso desde maio vão manifestar-se a partir das 10:00 de hoje junto ao Ministério da Educação, disse à Lusa a presidente do Conselho Diretivo, Helena Álvaro.

“Vamos fazer este protesto porque o Ministério da Educação continua sem fazer a transferência de verbas para a Escola Profissional de Setúbal, alegadamente, porque ainda não houve a necessária autorização do Ministério das Finanças”, disse à Lusa a presidente do Conselho Diretivo da EPS, Helena Távora, lembrando que professores e outros funcionários já têm dois meses de salários em atraso.

Representantes dos professores, dos pais e encarregados de educação da EPS foram recebidos quarta-feira pelo Secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, Fernando Reis, mas não obtiveram qualquer garantia quanto à transferência de verbas, pelo que decidiram manter o protesto previamente anunciado para esta quinta-feira.

Veja mais em :::> Correio da Manhã

Comments are closed.

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.