Seixal – Gravação apanha docente

Ficheiro áudio capta professora a intimidar alunas.

seixal
Depois de saber que os pais de alunos da turma F do 6º ano a que dá aulas fizeram queixa, em outubro, à direção da Escola Básica 2,3 da Cruz de Pau, Seixal, a professora de Inglês acusada de “aterrorizar os alunos” intimidou pelo menos duas das menores na sala de aula. Episódio que foi captado em áudio durante uma aula, gravação a que o CM teve acesso. A docente está a ser alvo de um processo disciplinar.

“Pais com dor de cotovelo inventaram determinadas coisas”; “tenho um recadozinho para dar à aluna F. e V. porque esteve cá uma das mães, porque agora entram na escola e na sala como e quando querem”; “V., espero que tenhas vergonha tendo em conta o que me fizeste e o que disseste em casa”– são alguns dos comentários que a professora fez na sala de aula. Seguiram-se momentos de riso e gozo de outros alunos contra as menores. Foi um destes episódios que levou uma das visadas, aluna do ensino especial integrada na turma, a sofrer um ataque de pânico. Os pais querem agora usar as gravações para provar as denúncias feitas.

Após a notícia revelada pelo CM, esta aluna foi esta quinta-feira perseguida num dos intervalos das aulas, o que levou a PSP a ser chamada à escola. “Um grupo de alunos mais velhos rodeou a minha filha e começou a meter-se e a gozar com ela, que teve de fugir, a chorar, e sofreu mais um ataque de pânico”, denunciou Vera Sousa, mãe da aluna do ensino especial.

“A professora mete música kizomba nas aulas, obriga os miúdos a dançarem e coloca as mãos dos rapazes nas zonas íntimas das meninas, ameaça-os e persegue-os”, refere a mesma mãe. Pelo menos 10 pais fizeram queixas na escola e ao Ministério da Educação, que está a investigar.

Veja mais em ::::> Correio da Manhã

Comments are closed.

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.