Tag: 2016

Candidata presidencial Maria de Belém sublinha em Setúbal importância da economia social

A candidata presidencial Maria de Belém afirmou hoje, em Setúbal, que a economia social é um eixo importante da sua candidatura, porque é uma área de intervenção fundamental para que muitas pessoas consigam reconstituir as suas vidas.

mbelem
Esta área “tem um enorme poder de intervenção na reconstituição da vida de muitas pessoas, que, se não fosse esta forma de economia [social], estariam completamente fora de qualquer hipótese de vida com dignidade”, disse.

Maria de Belém falava aos jornalistas no final de uma visita ao Centro Social de Nossa Senhora da Paz, da Cáritas Diocesana de Setúbal, em que se fez acompanhar pelo reitor do ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, Luís Reto, autor de um estudo sobre a importância económica da economia social.

“Aquilo que vim aqui visitar foi um estabelecimento muito importante da Cáritas Diocesana de Setúbal, Centro Social de Nossa senhora da Paz, que está inserido num bairro social [Bela Vista], com problemas muito específicos e muito próprios”, disse a candidata presidencial.

“E aquilo que nós vemos é uma capacidade grande de intervenção social em várias áreas, desde o acolhimento de crianças, até ao acolhimento de pessoas mais velhas, quer em centro de dia, quer em apoio domiciliário e, também, um protocolo com o IEFP (Instituto de Emprego e Formação Profissional), que permite dar competências a muitas das pessoas que aqui moram e que não têm, sequer, as competências básicas mínimas”, acrescentou.

Questionada pelos jornalistas, Maria de Belém reafirmou a intenção de dar a conhecer a realidade portuguesa a chefes de Estado estrangeiros e a outras personalidades, com visitas a universidades, lares de idosos e outros equipamentos, deixando claro que, se for eleita para a Presidência da República, não se irá cingir aos jantares protocolares em Palácios e outros espaços tradicionais.

“Temos de mostrar o nosso país como ele é, sejam as nossas universidades, que são extraordinárias hoje em dia e que têm atividades no domínio da investigação, que devem ser conhecidas. É o país desenvolvido que nós queremos mostrar”, defendeu.

Segundo Maria de Belém Roseira, também devem ser mostradas as “redes de acolhimento”.

“Como é que nós trabalhamos e como é que nós pretendemos que as pessoas tenham oportunidades na vida, para que não sejam as primeiras vítimas da crise económica e financeira. Como dizia o relatório da Cáritas Europa do ano passado, os pobres são as vítimas de uma crise que não causaram”, concluiu.

GR // JLG

Lusa/Fim
Fonte ::::> SAPO noticias

Alunos do curso de fuzileiros desaparecidos estão bem

Dois cadetes do curso de oficiais tinham desaparecido no domingo. Integravam um grupo que participava num exercício militar na Lagoa de Albufeira, Sesimbra

fuzas
Dois alunos do curso fuzileiros da Marinha estiveram desaparecidos desde domingo à noite, na sequência de um exercício, tendo sido encontrados na tarde desta terça-feira.

Segundo o porta-voz da Marinha, comandante Paulo Vicente, os dois cadetes “perderam-se e desorientaram-se” no decorrer do exercício, tendo sido encontrados esta tarde pelas equipas de busca que estavam no terreno.

Este oficial acrescentou que os dois formandos “se encontram bem, já foram alimentados, agasalhados e estão a caminho da Base dos Fuzileiros, onde serão vistos pelo serviço de saúde”.

Segundo o porta-voz da Marinha, comandante Paulo Vicente, dez cadetes do curso de oficiais fuzileiros do regime de contrato, foram largados, aos pares, ao final da tarde de domingo, na Lagoa de Albufeira, Sesimbra, com o objetivo de chegarem à Base dos Fuzileiros, em Coina, concelho do Barreiro, num exercício que visava testar a orientação dos futuros oficiais fuzileiros.

Fonte :::> Diário de Notícias

Neste Inverno, o que fazer em situação de doença ?

Juntamente com o ACES Almada / Seixal
Hospital Garcia de Orta alerta comunidade

hospital_garcia_de_orta
No âmbito do Plano de Contingência para Temperaturas Extremas – Módulo Frio, o Hospital Garcia de Orta (HGO), juntamente com o ACES Almada/Seixal, vem por este meio divulgar à comunidade como deverá proceder em situação de doença aguda; e informar que os Centros de Saúde locais estão em funcionamento com horário prolongado, das 8h às 22 horas.

O aumento da afluência às urgências hospitalares nesta altura do ano, mesmo com o reforço possível de meios, origina aumentos nos tempos de espera.
O Agrupamento de Centros de Saúde de Almada e Seixal dispõe de uma capacidade de atendimento, que na grande maioria das situações, assegurará o diagnóstico e tratamento eficaz, evitando deslocações à urgência do Hospital Garcia de Orta.
Todos os utentes encaminhados para o Serviço de Urgência do Hospital Garcia de Orta pelos Cuidados de Saúde Primários, têm atendimento prioritário.

Neste sentido, a utilização adequada dos Serviços de Saúde, em situações de doença aguda deverá respeitar os seguintes princípios:

 1º – Contatar a Linha Saúde 24 (808 24 24 24), que em função dos sintomas, orientará a sua situação para as instituições de saúde do seu local de residência.

 2º – Em caso de dificuldade em contatar a Linha Saúde 24, dirijam Saúde 24, dirija ao seu se ao seu Centro de Saúde das 8h às 20h, ou aos das 8h às 20h, aos Atendimentos Complementares de Almada e Amora no período das 8h às 22 dos dias úteis, e das 10h às 17h nos fins-de-semana.

 3º – Apenas situações de doença súbita e grave, que ponham em risco a sua vida, ou que não possam ser tratadas no seu Centro de Saúde, justificam a ida direta ao Serviço de Urgência do Hospital Garcia de Orta.

NESTE INVERNO, SE FICAR DOENTE, NÃO CORRA PARA A URGÊNCIA
LIGUE PRIMEIRO 808 24 24 24

Fonte ::::> Rostos

Almada – Arsenal do Alfeite de «Interesse Público Municipal» Assembleia Municipal aprova declaração de reconhecimento

Na declaração de reconhecimento de «Interesse Público Municipal» a Assembleia Municipal de Almada sublinha a importância que a “atividade socioeconómica desta empresa representa para o desenvolvimento, e no que respeita à criação de postos de trabalho”.

Base Naval de Lisboa
De Declaração de Interesse Público Municipal do Arsenal do Alfeite

O “Arsenal do Alfeite, SA.” Situa-se na Base Naval de Lisboa, localizada no Alfeite, encontrando-se as suas instalações classificadas no Plano Diretor Municipal como recinto militar, integrando área de servidão militar.
A proposta para o reconhecimento do interesse público municipal fundamentou-se nos seguintes considerandos:

– Que as posições publicamente assumidas pelos órgãos das autarquias locais do Concelho de Almada, em diversos momentos e ao longo de todo o processo de constituição da “Arsenal do Alfeite, SA” desde a sua criação em 2009, apontam de forma clara e inequívoca no sentido da defesa intransigente do interesse municipal na manutenção em plena laboração daquela estrutura industrial, 100% pública e ao serviço da Marinha Portuguesa e do País, e da defesa dos postos de trabalho existentes e da criação de novos postos de trabalho que se justifiquem em função do desejável alargamento da atividade desenvolvida pelo Arsenal;

– Que dispõe o Decreto-Lei nº 165/2014, de 5 de novembro que a regularização da atividade do estabelecimento e instalação “Arsenal do Alfeite, SA” exige deliberação fundamentada do reconhecimento de Interesse Público Municipal;

– O interesse municipal que a atividade socioeconómica desta empresa representa para o desenvolvimento, e no que respeita à criação de postos de trabalho, referindo explicitamente a proposta constante da solicitação que é dirigida ao Município de Almada que “pretende-se, com os mais de 508 trabalhadores em efetividade de funções, e procedendo-se ao recrutamento de mais trabalhadores em número significativo a curto prazo, dar pleno cumprimento ao nosso objetivo principal e assegurar um polo de manutenção e reparação naval militar e civil e estabelecer um centro de competências navais que explore sinergias com as entidades do Sistema Nacional de Investigação e Inovação”, com a consequente melhoria do nível de vida dos seus trabalhadores e da população em geral;

– Que a declaração de interesse público municipal solicitada pela Administração da “Arsenal do Alfeite, SA” não colide nem coloca em causa a defesa dos princípios atrás enunciados
Pelo que a Assembleia Municipal, deliberou Reconhecer de Interesse Público Municipal a regularização do estabelecimento e instalação “Arsenal do Alfeite, SA”.

veja mais em ::::> ROSTOS

Edgar Silva em Almada – “Em democracia não há foguetório antecipado”

O candidato apoiado pelo PCP, Edgar Silva, afastou, esta manhã, o favoritismo de Marcelo Rebelo de Sousa na corrida a Belém, considerando que está tudo em aberto.

edgar1
“Não seria o primeiro o primeiro caso em que lançaram os foguetes e depois se viram na contingência de apanhar as canas. Em democracia não há foguetório nem vencedores antecipados. Está tudo em aberto. Os resultados conquistam-se e nós estamos no terreno para construir a nossa base eleitoral”, disse, aos jornalistas, durante uma ação de campanha no Feijó, em Almada.

Na véspera do arranque da campanha eleitoral, Edgar Silva realçou que ainda há muito caminho para fazer até 24 de janeiro. “Eu sei que há algumas sensibilidades mais inquietas, algumas almas mais desassossegadas com a nossa candidatura mas vamos só dia 24 se vão contar os votos”, acrescentou.

E se os votos chegarem para obrigar a uma segunda volta nas Presidenciais, então Edgar Silva tem a certeza da derrota de Marcelo. “Se os valores de abril tiverem essa garantia de vitória a 24 de janeiro, de certeza que o candidato apoiado pelo PSD/CDS não vencerá”, disse.

Veja mais em ::::> TSF

Em Sesimbra 70 mergulhadores Entraram em 2016 no fundo do mar

passagem-ano-subaquatica_1_1280_720
Este ano, os 70 mergulhadores de todo o país passaram entre a multidão, entraram no mar junto à Fortaleza de Santiago, no centro da praia, e acompanharam o fogo-de-artifício com uma coreografia de luzes debaixo de água.

A marginal de Sesimbra encheu-se mais uma vez de gente para assistir ao fogo-de-artifício e ao tradicional Réveillon Subaquático, que que marcaram a entrada em 2016. Este ano, os 70 mergulhadores de todo o país passaram entre a multidão, entraram no mar junto à Fortaleza de Santiago, no centro da praia, e acompanharam o fogo-de-artifício com uma coreografia de luzes debaixo de água.

A iniciativa, que se realiza desde 2006, é uma forma de promover Sesimbra como um dos principais destinos de mergulho do país.

A organização esteve a cargo da Câmara Municipal, empresas Mega Dive e Haliotis com apoio das juntas de freguesia, do Turiforum, Hotel do Mar e Sesimbra Hotel e SPA.

Seixal: hospital para 2019

Unidade terá um custo de 60 milhões de euros.

hseixal
A construção do hospital do Seixal vai avançar, garantiu esta terça-feora o autarca do Seixal, Joaquim Santos, após uma reunião com o ministro da Saúde na qual participaram os presidentes da câmara de Sesimbra e Almada. O ministério, ao CM, não revela pormenores sobre a construção da unidade.

“O objetivo do governo é incluir o Projeto de Execução do Hospital no Orçamento de Estado do próximo ano”, disse o presidente da câmara do Seixal, segundo o qual o hospital deverá ficar concluído em 2019, num projeto orçado em 60 milhões de euros.

A unidade estará vocacionada para os cuidados em ambulatório. As urgências irão funcionar durante 24 horas. Com 72 camas, o hospital terá 23 especialidades e unidades de apoio domiciliário e de medicina física e de reabilitação.

O ministro Adalberto Campos Fernandes terá garantido que “até o equipamento estar concluído, serão encontradas soluções que dotem de maiores condições de saúde os concelhos”.

Questionada pelo CM, fonte do ministério da Saúde explicou que “o orçamento para 2016 ainda está a ser preparado pelos gabinetes técnicos competentes e qualquer informação adicional nesta matéria é, para já, prematura”.

Finte ::::> Correio da Manhã

2016 à volta do mundo

sydney

sydney


Incêndio no Dubai

incendio dubai

logo Um incêndio irrompeu num edifício residencial e hotel perto da enorme queima de fogos de Ano Novo do Dubai. Detritos queimando choveram do prédio como caminhões de bombeiros correram para a cena. Não ficou imediatamente claro se alguém foi ferido no incêndio

Burricada Cacilhas, Almada e Cova da Piedade – 2009

Burricada – São João Almada 2009

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.