Tag: Almada Shop

Capa Rica vence Marchas de Almada

caparica

A Marcha da Capa Rica venceu o concurso de Marchas Populares de Almada 2013, tendo conquistado também os Prémios Avenida e Letra. O júri atribuiu o segundo lugar à Marcha Popular da Costa da Caparica, que arrecadou ainda os Prémios Trajes e Música, e o terceiro à Marcha Al-Madan, que acumulou ainda o Prémio Arcos.

Este ano apresentaram-se a concurso oito marchas, que desfilaram na avenida, em Cacilhas, na noite de S. João. A grande final realizou-se no Complexo Municipal dos Desportos “Cidade de Almada”, no Feijó, no passado dia 6 de julho.

Classificação geral:
1º Marcha da Capa Rica
2º Marcha Popular da Costa da Caparica
3º Marcha Al-Madan
4º Centro Comunitário PIA 2
5º Marcha do Pragal
6º Marcha do Beira Mar
7º Marcha Juvenil do Monte Caparica
8º Marcha do Figueirinhas

Prémios específicos:
Avenida – Marcha da Capa Rica
Coreografia – Marcha da Capa Rica e Centro Comunitário PIA 2
Arcos – Marcha Al-Madan
Trajes – Marcha Popular da Costa da Caparica
Letra – Marcha da Capa Rica
Música – Marcha Popular da Costa da Caparica

Ler mais: Jornal da Região

Câmara de Almada reduz custos na edição de revistas municipais

A Câmara Municipal de Almada vai gastar cerca de 186 mil euros na impressão das revistas municipais durante dez meses, o que significa uma redução face ao ano passado na despesa relativa a este encargo. António Matos, autarca almadense, destaca a redução em todos os campos da despesa pública da câmara municipal “com exceção feita à área social”, enquanto a oposição social democrata na edilidade critica a falta de discussão em reunião de câmara sobre esta matéria.

almada

“Este assunto é de domínio público e não devia pertencer às funções privadas de um pelouro na autarquia”, frisa Jorge Pedroso de Almeida, criticando assim a existência deste concurso público por adjudicação direta sem merecer a votação e discussão por parte de todos os autarcas eleitos. António Matos, por seu lado, justifica este valor como “razoável” face à dimensão do projeto e os valores de anos transatos.

O concurso público para a agenda “Almada Informa” consiste na aquisição de serviços relativos à produção e fornecimento de dez edições de 37 mil exemplares em cada edição, custando 84.600 euros. Já o concurso público relativo à produção e fornecimento de dez edições de 70 mil exemplares por cada edição do Boletim Municipal “Almada” tem o valor de 102.298 euros. Ambos os concursos estão abertos desde 12 e 14 de junho em Diário da República.

António Matos entende que estes são dos produtos que a população de Almada mais consome pela sua importância para o quotidiano de cada um. “Não é apenas um produto que publicita as atividades da autarquia mas também divulga o que todas as instituições do concelho fazem e que devem ser divulgadas pela maior quantidade de pessoas para dinamizar a cultura, desporto e tudo o que acontece no concelho”, prossegue o autarca.

Veja mais em ::::> Setúbal na Rede

Três funcionários da Câmara de Almada detidos por suspeita de corrupção

PJ-Setubal
A Polícia Judiciária de Setúbal deteve três funcionários dos Serviços de Fiscalização da Câmara de Almada por suspeitas de corrupção passiva. Segundo a PJ, os detidos – dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 49 e os 50 anos – solicitavam determinadas “quantias pecuniárias” para resolverem alguns processos.

Veja mais em ::::> Diário da Região

Público

A PJ de Setúbal deteve três funcionários dos Serviços de Fiscalização da Câmara de Almada, suspeitos de corrupção passiva.

Numa nota, a PJ revela que os funcionários – dois homens e uma mulher, entre os 49 e os 50 anos – atrasavam os processos de licenciamento e depois contactavam os requerentes, manifestando-se disponíveis para resolver os processos em troca de dinheiro.

Contactada pela Lusa, a vereadora dos serviços de fiscalização municipal da Câmara de Almada, Amélia Pardal, confirmou as buscas realizadas na terça-feira pela PJ de Setúbal nos serviços de fiscalização municipal e a detenção dos três suspeitos.

A vereadora acrescentou que o município vai aguardar pelo desenrolar do processo nos tribunais, mas escusou-se a revelar se a autarquia suspeitava já de eventuais irregularidades praticadas pelos três funcionários.

De acordo com a PJ de Setúbal, os detidos deverão ser ainda nesta quarta-feira presentes a primeiro interrogatório judicial, para aplicação das medidas de coacção.

Veja mais em ::::> Público

Diário Digital

Funcionários da Câmara de Almada suspensos após detenção

Funcionários da Câmara de Almada suspensos após detenção

inShare

Os três funcionários dos Serviços de Fiscalização da Câmara de Almada detidos pela Polícia Judiciária de Setúbal, por suspeita de corrupção passiva, estão suspensos da atividade profissional e proibidos de efetuar contactos.

Os três detidos foram presentes ao Tribunal de Almada, que decidiu suspendê-los de funções, disse à agência Lusa fonte da PJ.

“O juiz decidiu a suspensão dos três da atividade profissional, a proibição de efetuarem contactos e apresentações periódicas às autoridades”, acrescentou.

A PJ deteve dois homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 49 e os 50 anos, que alegadamente solicitavam determinadas “quantias pecuniárias” para resolverem alguns processos.

“Através do incumprimento de procedimentos administrativos internos, logravam retardar a tramitação de requerimentos de pedidos de licenciamentos diversos, após o que contactavam os requerentes e lhes solicitavam quantias pecuniárias para a resolução dos mesmos”, refere um comunicado da PJ de Setúbal.

A vereadora dos serviços de Fiscalização Municipal da Câmara de Almada, Amélia Pardal, confirmou as buscas realizadas, na terça-feira, pela Polícia Judiciária de Setúbal nos serviços de fiscalização municipal e a detenção dos três suspeitos.

Diário Digital com Lusa

Protecção florestal de Almada reforça meios contra incêndios

bbb

A prevenção de incêndios nas matas do município de Almada vai entrar no período que envolve maior risco e, por isso mais meios vão estar em alerta. Entre 1 de Julho e 30 de Setembro, elementos das três corporações de bombeiros do concelho vão estar posicionados junto à Mata dos Medos, uma das zonas com elevado potencial de risco de incêndio florestal, possibilitando uma intervenção mais rápida e eficaz.

A fase Charlie mantém vigilância a partir do Posto de Vigia do Cabo da Malha, efectivos da GNR, meios da brigada 3600 do Instituto de Conservação da Natureza e Biodiversidade. Terá ainda apoio de clubes, associações e participações individuais. Aos fins-de-semana a floresta será também vigiada por voluntários de protecção Civil.

Esta organização de meios da Operação Floresta Segura Floresta Verde 2013, é reforçada com distribuição de informação à população sobre os comportamentos a ter para evitar incêndios florestais. Diariamente, será ainda disponibilizada informação, por correio electrónico, referindo o índice risco de incêndio, situação meteorológica do dia e prevista para o dia seguinte.

A Operação Floresta Segura Floresta Verde, que vai manter-se no terreno até Outubro como Fase Delta, tem sido responsável por Almada ser o concelho do distrito de Setúbal que na última década registou a menor área florestal ardida, apesar de ser um dos que soma maior número de ignições.

Contas feitas pela Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios, em 2012 o concelho voltou a ser o que registou maior número de ignições, comparativamente com os restantes do distrito de Setúbal, 175, mas registou a menor área ardida, apenas 10 hectares.

Além da Operação Floresta Segura Floresta Verde, o Município conta, desde 2012, com um Gabinete Técnico Florestal e um Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios, aprovado pela Autoridade Florestal Nacional, até 2016.

Ler mais: ::::> Jornal da Região

CDU Almada apresenta candidatos às Juntas de Freguesia

cdualmada

CANDIDATOS A PRESIDENTES DE JUNTAS DE FREGUESIA

NO CONCELHO DE ALMADA

Freguesia da Costa de Caparica

ALVARO JORGE

Electricista / 59 anos / PCP

cdu6

Freguesias de Laranjeiro-Feijo

LUÍS PALMA

Professor / 34 anos / PCP

cdu2

Freguesias Charneca de Caparica-Sobreda

MARGARIDA CARVALHO

Professora / 32 anos / PCP

cdu3

Freguesias de Almada, Cacilhas, Cova da Piedade e Pragal

RICARDO LOUÇA

Mecânico de Armamento / 58 anos / PCP
cdu4

Freguesias de Caparica e Trafaria

TERESA COELHO

cdu5

Almada – Inauguração da Biblioteca Municipal Maria Lamas

bibli

Ontem, dia 29 de Junho, o CIMO esteve presente na inauguração da Biblioteca Municipal Maria Lamas no Centro Cívico da Caparica

Veja mais em >>>> CIMO

Inaugurado antigo “Salão das Carochas”

salaodascarochas

Ontem, dia 29 de Junho, o CIMO foi à inauguração do Centro de Interpretação de Almada Velha, um espaço de Cultura que possibilita uma “caminhada” pela história de Almada. Vale a pena visitar! Vale a pena conhecer!

Veja mais em ::::> CIMO

Costa da Caparica – Começou a “caça” aos veículos dos banhistas – ECALMA com tolerância zero

fotografia03-300x225

A manhã de praia saiu-lhe cara. Um total de 130 euros foi quanto um utente da frente de praias da Costa de Caparica teve de pagar para ver desbloqueada a sua viatura. O banhista, que preferiu manter o anonimato, estacionou nos parques da ECALMA da Costa de Caparica. Não reparou que estava a parquear a viatura em zona de motociclos e cerca do meia-dia, hora de regresso, dá por falta da viatura no local onde a havia deixado. No quiosque da ECALMA recebe a notícia: 130 euros para desbloquear a viatura. Foi quanto custou a este utente das praias da Costa 3 ou 4 horas de praia.

Leia mais em ::::> Caparica News

Cerca de 20 golfinhos foram vistos no Estuário do Tejo

g1

Cerca de 20 golfinhos foram vistos no estuário do Tejo no sábado, um fenómeno cada vez mais comum e motivado pelos novos cardumes que surgem no rio com a sua despoluição, considerou hoje à agência Lusa uma bióloga.

A Câmara de Lisboa anunciou na segunda-feira à noite que um grupo de cerca de 20 golfinhos, com várias crias, foi avistado no rio Tejo, junto a Lisboa. Os golfinhos foram vistos entre Algés e Paço de Arcos por um grupo de amigos que velejava no Tejo em direcção a Cascais. “De início ficámos incrédulos e como tínhamos dúvidas se seriam realmente golfinhos decidimos aproximar-nos deles. Quando nos aproximamos os golfinhos saudaram-nos com saltos e piruetas e acompanharam-nos durante algumas milhas”, contaram à agência Lusa dois dos tripulantes, Fernando Silva e Gonçalo Ferreira.

Contactada pela agência Lusa, a bióloga que coordena um plano de acompanhamento de roazes-corniveiros no estuário do Sado, liderado pelo Instituto de Conservação da Natureza e da Biodiversidade (ICNB), Marina Sequeira, disse que este fenómeno “já não é assim tão raro como isso”. “Os golfinhos comuns já entraram várias vezes no estuário do Tejo nos últimos anos: foram vistos na marina de Cascais e na praia de Carcavelos. Estes golfinhos são oportunistas e andam sempre à procura de alimento. Podem ter visto um cardume de peixe maior que os seduziu a entrar no estuário”, explicou Marina Sequeira. A bióloga do ICNB disse ainda que um dos motivos de atracção dos golfinhos ao Tejo “pode estar na melhoria da qualidade da água” do rio, já que “a melhor qualidade da água pode trazer o estabelecimento de peixe de qualidade que alimenta os golfinhos comuns”.

Ainda assim, essa melhoria da qualidade da água e de maior número de alimento não vai fixar populações de golfinhos comuns no estuário, salientou a bióloga. “O golfinho comum é uma espécie que está sempre em movimento, que se desloca ao longo da costa à procura de alimento. A fixação de residentes não acontece na sua espécie”, explicou Marina Sequeira. Para a Câmara de Lisboa, este grupo de 20 golfinhos no Tejo é “uma prova de que o rio está no bom caminho”, depois de, em Janeiro deste ano, os esgotos da frente ribeirinha da cidade, que corriam directamente para o Estuário, começassem a ser desviados para a Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Alcântara.

Veja mais em >>> Diário de Notícias

Rosa Rubra Florista em Almada

ROSA1

Rosa Rubra
entregas de flores para aniversarios ou mesmo para ocasioes menos boas, como é o caso de funerais
mantendo sempre o toque do diferente em todos os trabalhos

Rua dos Castanheiros nº37-A
2810-037 Almada, Portugal

212 583 083

http:///almadashop/?p=1181

http://www.rosarubraflorista.com

https://www.facebook.com/rosarubra.florista

rr1

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.