Tag: Hamburgieria

Costa da Caparica – Imagine onde é que abriu a primeira hamburgueria em Portugal…há 40 anos

hamburgueria

Há 40 anos, estava Hugo Ponte a estudar Engenharia Electrotécnica no Instituto Técnico de Lisboa. Enquanto isso, já dava explicações de matemática. Com a crise académica, antes do 25 de Abril de 1974, chegava à faculdade para os exames e deparava-se com as portas fechadas a cadeado. No 3º ano do curso desmotivou e desistiu. E imagine-se o que é que é que lhe ocorreu abrir…

Na Costa da Caparica, no concelho de Almada, mesmo junto ao mercado municipal, inaugurou a primeira hamburgueria de Portugal, o «Sandwich Bar», que acaba de comemorar 40 anos, aberto no primeiro Verão após o 25 de Abril. Em entrevista ao Diário Digital, o empreendedor, que agora, aos 62 anos detém um “pequeno império” de negócios, contou que chegavam ao estabelecimento, na época, pessoas de longe para comer pela primeira vez hambúrgueres e, naturalmente associado a eles, Coca-Cola, até à altura proibido em Portugal.

A ideia do negócio ocorreu-lhe um ano antes de deixar a faculdade depois de umas férias em Benidorm e Torremolinos, em Espanha. Os primeiros funcionários da hamburgueria foram os seus explicandos, «miúdos que precisavam de ganhar uns trocos e que acharam a ideia engraçada», avançou.

Antes de 1974 a Coca-Cola chegava a Portugal contrabandeada de Espanha, mas logo após a revolução abriu o primeiro entreposto da marca em Palmela, e um amigo seu que lá trabalhava levou-lhe para o estabelecimento uma grade de garrafas. Estavam reunidas as condições para lançar o negócio em pleno.

Na altura, a Costa da Caparica era frequentada por banhistas e pelos locais, e foram esses os primeiros a frequentar o «Sandwich Bar». Entretanto, palavra passa palavra e o snack-bar começou a receber nova clientela vinda de várias partes. Nessa época, a zona balnear era muito diferente. Hugo conta que frequentava a Costa da Caparica desde os 5 anos; os pais tinham uma casa de veraneio lá. Aos 18 anos, acabou por se mudar do Restelo, em Lisboa, para o concelho de Almada, e ali permaneceu até agora.

Entretanto, um subdelegado de Saúde visitou as instalações e conseguiu alvará para que o negócio funcionasse até às 04:00, coisa inédita no nosso país. E era para ali que todos rumavam à noite, após o fecho dos bares e discotecas.

Veja mais em :::>Diário Digital

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.