Tag: Piedense

2017-Grupo de Percussão da Sfuap

Gala SFUAP 2017 Grupo de percussão coordenado pelo professor de Bateria/Percussão Tiago Araújo na Gala Sfuap 2017.

VASCO GASPARA DA SFUAP,CONVOCADO PARA PARTICIPAR NA TAÇA DO MUNDO DE ÁGUAS ABERTAS

vasco Gaspar
O nadador Vasco Gaspar,da SFUAP foi convocado,pela Federação Portuguesa de Natação para participar na
Taça do Mundo de Águas Abertas a realizar no dia 2 de Maio,no México, seguindo depois um estágio em altitude, com vista a sua participação no Campeonato do Mundo a realizar no próximo mês de Agosto.
O nadador Vasco Gaspar vai ter como colega o nadador Rafael Gil, do ANAM,ambos vão participar na prova dos 10km.
No setor feminino foram convocadas as nadadoras, Angélica André do CFP e Vânia Neves,do LSC,ambas também nos 10 km
Desejamos aos nadadores convocados,uma excelente participação,em especial a Vasco Gaspar, atleta da Sociedade Filarmónica União Artística

Veja mais em :::> DesportoAlmada

CARLOS FREITAS DEIXA A “SFUAP” APÓS 44 ANOS DE ATIVIDADE

NATAÇÃO DESPORTIVA DA SFUAP FICA MAIS POBRE APÓS A SAÍDA DO TÉCNICO CARLOS FREITAS

carlos Freitas

A natação desportiva que tanto êxitos tem dado à Sociedade Filarmónica União Artística Piedense(SFUAP),parece navegar em águas turvas, depois da saída do “Golfinho” José Freitas,no inicio do ano, foi agora a vez do seu filho Carlos Freitas, bater com a porta, após 44 anos ao serviço da natação desportiva da coletividade,o que não deixa de causar alguma surpresa nos meios da natação desportiva.

Segundo apurou “Desporto Almada” As razões para a sua saída vêm-se acumulando ao longo dos últimos 15 anos,mais concretamente nestes últimos 5 anos. “Foi uma decisão muita refletida e ponderada,esperando que alguns dos objetivos para o qual tomei esta posição,surta efeito e que (de uma vez por todas), a direção da SFUAP,assuma o que quer para a Natação Desportiva”.

Veja mais em :::>deportoalmada

José Freitas afastado da SFUAPiedense

Por contenção de despesas…
SFUAP afasta técnico com 46 anos de casa
freitas
José Freitas, técnico de natação da SFUAP há 46 anos, vai ser afastado das suas funções a partir do dia 5 de Outubro. A decisão foi comunicada em reunião efectuada especialmente para o efeito onde a direcção do clube por carta manifestou a intenção de rescindir o contrato e dispensá-lo a partir daquela data.

A notícia, que caiu como uma bomba no movimento associativo almadense, na área do desporto de formação e alto rendimento, rapidamente se espalhou e o DIÁRIO DA REGIÃO, ao tomar conhecimento dela deslocou-se à Piscina do Jamor, local onde decorriam os campeonatos nacionais de juvenis e absolutos, onde encontrou José Freitas junto aos seus nadadores, na companhia dos seus filhos, Carlos e Rui, responsáveis pela equipa da SFUAP. A onda de solidariedade para com o decano dos treinadores portugueses era tão grande que ficámos surpreendidos.

Para trás ficam 70 anos dedicados com grande paixão a uma modalidade que em 1968 começou a desenvolver-se na margem sul do Tejo graças à acção de José Freitas que contribuiu de forma significativa para o reforço das suas infra-estruturas que naquela altura estavam na estaca zero. Com o 25 de Abril de 1974, o treinador olímpico foi o grande impulsionador das grandes modificações na piscina que passou a ser coberta, com água aquecida. A SFUAP chegou a ter nas suas escolas mais de quatro mil alunos e 28 técnicos.

No decorrer da competição realizada no Jamor foi digno de registo o apoio dado a José Freitas por parte de muitos técnicos, nadadores e muitos amigos que nos bastidores da piscina quiseram dar um abraço ao técnico.

António Bessone Basto, uma das maiores figuras do desporto em Portugal, foi uma das primeiras pessoas a deslocar-se ao local, seguindo-se depois, José Manuel Constantino, presidente do Comité Olímpico de Portugal; José António Sacadura, ex-director técnico nacional, José António Silva, presidente da direcção da FPN; José Manuel Borges, DTN; Carlos Cruchinho, técnico do Sporting; José Silva, técnico do FC Porto; Mário Madeira, do Benfica. Outros também manifestaram o seu desagrado pela situação e todos eram unânimes ao afirmar que deveriam ter mais respeito por alguém que tanto fez e continua a fazer pelo desporto, em Portugal.

As pessoas que contactámos foram peremptórias ao afirmar que foi o principal responsável por aquilo que a SFUAP hoje é no desporto.

Conforme nos disse “aos 81 anos, aproximava-se a toda a velocidade o final da minha carreira. Mas, estava à espera que terminasse o ciclo olímpico para tentar organizar, com a direcção, uma prova para homenagear os 20 anos da participação nos Jogos Olímpicos de Atlanta, em 1996. Não queria terminar da forma como aconteceu”.

Veja mais em :::> Jornal de Desporto

SFUAP – natação de ouro

sfuap2

Chegou ao fim a época competitiva da natação pura regional 2012-2013. Os campeonatos absolutos da grande área metropolitana de Lisboa, marcam o terminus de uma longa, intensiva e muita competitiva época desportiva da natação pura.

A SFUAP, mais uma vez marca pela presença dos seus nadadores no pódio na conquista do maior numero de medalhas de ouro 18, enquando Amadora 14 e Algés 11.

Em simultâneo, realizou-se o campeonato regional de juvenis, este marcou o aparecimento de Miguel Nunes Gonçalves, afastado por lesões, já recuperado não a 100%, mostrou o seu potencial para a pratica da modalidade. Um jovem com talento e, ficou demonstrado neste final semana, sagrou-se campeão 100 e 200 costas com marcas que lhe dá acesso aos nacionais, sobressaiu ainda o jovem José Paula Carvalho, escalão mais novo, campeão 400 estilos e 200 mariposa e vice – campeão 100 mariposa.

Afonso Calais Queiroga, campeão 200 livres e 200 estilos, vice campeão 400 e 100 livres, com marcas que lhe dá acesso aos nacionais. Filipa Carreira Alves, juvenil campeã, 100 e 200 costas, medalha bronze 1500 livres.

Nos absolutos, em termos individuais Diogo Miguel Silva , conquistou o titulo campeão 100 e 200 Bruços, medalha de prata, 50 bruços, Vasco Gaspar campeão1500 livres, Joana Santos, medalhas de ouro, 400 estilos, 100 e 200 bruços e bronze 50 Bruços, Catarina Nunes, campeã 200 Estilos, vice – campeã 50 mariposa e bronze 50 livres, Marta Miranda campeã 200 mariposa e 200 costas.

Os nossos nadadores de fundo, Helena Carvalho e Vasco Gaspar foram medalhas de bronze no campeonato nacional de 10 Km de Aguas Abertas que se realizaram no Centro de Alto Rendimento, em Montemor – o – Velho .

Após a conclusão de um estágio em altitude de 22 dias na Serra Nevada em Espanha, o nosso nadador Vasco Gaspar foi submetido a um teste e teve como exame final os 10 quilómetros, pena foi que o tempo não ajudou e não esteve propicio ao teste, a baixa temperatura da água que rondou os 17 graus, assim nos disse o nosso nadador, com o vento frio com rajadas fortes a dificultarem a ação do nado. Por esse motivo deu origem a 21 desistências dos 43 participantes, maioria com problemas de hipotermia, Vasco Gaspar classificou-se na terceira posição com 2.06.21.9.

Por sua vez a sua colega, Helena Paula Carvalho, também subiu ao pódio, com 2.17.24.0, ambos a terem que receber assistência pelos bombeiros derivado ao frio.

Na prova promoção, 3 KM, Marina Micaela Sequeira, esteve em plano destaque ao concluir a prova na segunda posição em femininos com um bom tempo, 42.21.5.

Digno igualmente de registo a prova do juvenil João Paulo Carvalho que concluiu com 43.57.1, 16º lugar.

Nesta prova participaram 37 nadadores de ambos os sexos e desistiram 9.

Veja mais em ::::> SFUAP

Comemorações 100 anos SFUAPiedense – 1989

1988 Cova da Piedade – Demolição da sede da SFUAP

Acampamento da Juventude – SFUAPiedense 1970

Actividades da Secção de Campismo da SFUAPiedense na decada de 70 Sec. XX



Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.