Tag: Câmara Municipal

Vereador eleito pelo Chega em Sesimbra demite-se do partido

Por Redação S+ Imagem DR -30 de Dezembro, 2021

Márcio Souza anunciou esta quinta-feira a demissão do partido, com o qual diz estar “em desacordo total”, e mantém-se como independente.

Na sua página pessoal no Facebook, o vereador da câmara de Sesimbra e coordenador do Núcleo Concelhio do Chega, Márcio Souza, anunciou que deixou o partido. “É meu dever comunicar a todos os sesimbrenses, principalmente aqueles que em mim votaram nas últimas eleições autárquicas, que a saída do partido Chega é uma realidade”, lê-se na publicação.

Márcio Souza justifica a decisão com o “desacordo total com a forma de atuação do partido, nomeadamente pela Distrital de Setúbal”, e garante que vai continuar como vereador independente. “Tudo farei para honrar os compromissos que assumi com a comunidade, de forma a contribuir para a melhoria de vida de todos os Sesimbrenses, sem exceção”, afirma.

Segundo o JN, uma fonte oficial do Chega em reação à demissão disse que “não tolerará eleitos com o nome do partido que se vendam aos socialistas e aos comunistas”. Neste caso concreto, acrescenta a mesma fonte, “o vereador apenas passa a independente por saber que seria expulso do partido devido à sua conduta imprópria”.

Márcio Souza foi eleito vereador com 1805 votos (9,34%) nas eleições autárquicas de setembro passado. No sufrágio, a CDU foi a força política mais votada e elegeu três vereadores. Em segundo lugar ficou o PS, também com três vereadores. O candidato do Chega, apesar de eleito como vereador, é o único dos sete que não tem pelouros atribuídos e mantém-se como sócio-gerente de um estabelecimento de restauração.

Recorde-se que o Chega elegeu 19 vereadores nas últimas autárquicas e tem atualmente 17, pois perdeu dois. Para além de Márcio Souza, o Chega já tinha perdido a vereadora Cidália Figueira, eleita por Moura. Também neste caso a eleita alegou divergências políticas e o partido respondeu que a retirada de confiança política já estava em cima da mesa devido a uma alegada aproximação ao PS.

veja mais EM :::> semmais

Câmara de Almada já tem Pelouros

Inês de Medeiros / PS – Presidente da Câmara

Pelouros:

Administração Geral e Finanças , Autoridade Veterinária, Planeamento Urbanistico, Inovação, Clima Energia e Cultura, englobando genericamente os seguintes serviços:

– Gabinete da Presidência;

– Gabinete de apoio à Câmara Municipal;

– Gabinete de Apoio à Assembleia Municipal:;

– Divisão de Modernização Asministrativa e Gestão Territorial;

– Controlo do Risco, Governação e Auditoria e sua Divisão de Auditoria e Controlo interno;

– Divisão de Finanças e respetivas unidades;

– Departamento de Planeamento Urbanístico e respetivas divisões;

. Departamento de Inovação, Ambiente, Clima e Sustentabilidade, com excepão da Divisão de Educação e Sensibilização Ambiental;

– Departamento de Cultura e respetivas divisões.

Teodolinda Silveira / PS – Vice Presidente

– Departamento de Recursos Humanos e respetivas divisões;

– Departamento de Higiene Urbana e respetivas divisões;

– Divisão de Educação e Sensibilização Ambiental;

– Departamento de Educação e respetivas divisões;

. Divisão de Intervenção e Integração Social e respetiva subunidade.

José Pedro Ribeiro / PS – Vereador

 Infraestruturas e Obras Municipais, Administração Urbanística, Economia e Desemvolvimento Local, englobando genericamente os seguintes serviços:

– Departamento de Infraestruturas e Obras Municipais e respetivas divisões;

– Departamento de Administração Urbanística e respetivas divisões;

– Departamento de Economia e Desenvolvimento Local e sua Divisão de Desenvolvimento Económico e Emprego, incluindo as respetivas subunidades;

– Divisão de Infraestruturas Viárias e Iluminação Pública e respetivo serviço.

Francisca Parreira / PS – Vereadora

Proteção Civil e Segurança, Atendimento ao Munícipe, Assuntos Juridicos e Fiscalização Municipal, Patromónio e Compras, englobando genericamente os seguintes serviços;

Serviço Público,

– Divisão de Administração Geral e Atendimento e respetivo serviço,

– Departamento de AssuntosJurídicos e respetivas divisões:

– Departamento de Património e Compras e respetivas divisões.

Filipe Pacheco / PS – Vereador

Sistemas de Informação, Manutenção de Equipamentos e Frota, Comunicação, Habitação, Desporto e Juventude, englobando genericamente os seguintes serviços:

– Departamento de Comunicação e respetivas divisões;

– Serviço de Veterinário Municipal;

– Departamento de Desporto e Juventude e respetivas divisões;

– Divisão de Habitação e Serviço de Manutenção de Habitação Social.

Nuno Matias / PSD – Vereador

Controlo do Risco, Espaços Verdes, Turismo, Mercados, Comércio e Espaço Público, englobando genericamente os seguintes serviços:

– Divisão de Acompanhamento e Controlo da Atividade Orçamental;

– Divisão de Turísmo

– Departamento de Espaços Verdes e Serviços Conexos e respetivas divisões, com exceção do Serviço de Veterinário Municipal;

– Divisão de Mercados, Comércio e Espaço Público

Novas caras na Câmara Municipal de Almada

16/10/2021

Eleitos para o mandato de 2021 a 2025

Inês de Medeiros
Maria das Dores Meira
Teodolinda Silveira
António Matos
José Pedro Ribeiro
Nuno Matias
Francisca Parreira
José Luís Bucho
Filipe Pacheco
Helena Azinheira
Joana Mortágua
Inês de Medeiros

2021 Tomada de Posse da Câmara Municipal de Almada

16 de Outubro 2021

Câmara de Sesimbra reúne com moradores do Bºda Boa Água na Quinta do Conde

2 de MAio 2021

Decorreu na manhã de 2 de maio uma reunião entre a autarquia e os moradores do bairro da Boa Água, na Quinta do Conde, onde vivem 47 famílias, para explicar as obras de requalificação do espaço público que estão em curso assim como as intervenções previstas para os blocos de habitação.

Os trabalhos de melhoria do espaço público que estão a ser feitos entre os edifícios incluem a colocação de mais bancos, plantação de oliveiras e criação de canteiros com plantas como alecrim ou rosmaninho.Numa segunda fase, que deverá ter início brevemente, avançarão as obras nos edifícios de habitação, nomeadamente o isolamento e pintura das fachadas dos seis blocos. «Vamos ainda substituir, reparar e isolar as coberturas para evitar infiltrações», adiantou o vereador com o Pelouro das Obras Municipais, Sérgio Marcelino.

Presente neste encontro, a vereadora com o Pelouro da Ação Social e Habitação, Felícia Costa, acrescentou que a autarquia deverá apresentar uma candidatura, no âmbito Plano de Recuperação e Resiliência, para financiamento da construção de 71 novos fogos de habitação social na zona da Ribeira do Marchante e um bloco no Conde 1.

Veja mais em ::::> Câmara Municipal de Sesimbra 

PS Seixal CONTRA o apoio municipal à realização da Festa do Avante 2020

30 Julho 2020

✊PS Seixal CONTRA o apoio municipal à realização da Festa do Avante 2020 👎Pela salvaguarda:👉 dos munícipes;👉 dos trabalhadores da Câmara Municipal;👉 dos profissionais de saúde; 👉 dos (outros) agentes de primeira linha no combate à COVID-19;👉 dos operadores de atividades económicas. #2021esperapornós#psseixal

Publicado por Marco Teles Fernandes em Quinta-feira, 30 de julho de 2020

Pela salvaguarda:

👉 dos munícipes

;👉 dos trabalhadores da Câmara Municipal;

👉 dos profissionais de saúde;

👉 dos (outros) agentes de primeira linha no combate à COVID-19;

👉 dos operadores de atividades económicas.

PS Seixal CONTRA apoio municipal à Festa do Avante

O PS Seixal não é contra a Festa do Avante.

O PS Seixal é contra a realização da festa no presente ano, sobretudo com apoios humanos e materiais por parte da Câmara Municipal do Seixal.Mais, queremos que o nosso sentido de voto sinalize o alarme social das populações.Queremos:– proteger as populações de ajuntamentos com riscos de contágio;– salvaguardar os funcionários da Câmara Municipal do Seixal dos participantes do evento, como da exposição destes perante a eventual insatisfação de populares;– salvaguardar os profissionais de saúde que evitam, a todo o custo, o risco de uma segunda vaga pandémica;– salvaguardar as atividades económicas que vêem-se na contingência de poder fechar para estarem resguardadas das aglomerações de pessoas nos seus espaços ou envolvente;– apaziguar o alarme social geral.É função do PSSeixal preocupar-se pelas causas da sua população. É dever do PSSeixal votar contra esta iniciativa.Contudo, a mesma foi aprovada, com os votos a favor da CDU (PCP-PEV) e abstenção do (Bloco de Esquerda).Queremos continuar a zelar por si…

#2021esperapornós

#PSSeixal

Veja mais em ::::> PS Seixal

24Jul2020 Reunião Pública Câmara Municipal de Almada

24 de Julho 2020
João Couvaneiro no Facebook
Foi com muita honra que dirigi hoje Reunião Pública Extraordinária da Câmara Municipal de Almada em que foram aprovadas as seguintes propostas:

  • Ampliação e requalificação do Jardim Infância do Alto do Índio – Lançamento de procedimento Empreitada de Obra Pública.
  • Requalificação e reperfilamento da Estrada Florestal, na Costa da Caparica – Lançamento de procedimento.
  • Reabilitação do Edifício 1 do Presídio da Trafaria e ordenamento da Praça do Porto de Lisboa – Lançamento de procedimento por Concurso Público;
  • Requalificação/criação do Espaço Comunitário nos bairros da Madame Faber e dos Torrões – Trafaria – Lançamento do procedimento Empreitada de Obra Pública;
  • Alteração ao Mapa de Pessoal da Câmara Municipal de Almada.

AlmadaPode #AlmadaFaz

(24 de julho de 2020)

veja mais em:::> João Couvaneiro no Facebook

A população da Fonte da Telha concorda com a obra

29 de Junho 2020
Assembleia Municipal de Almada
Inês de Medeiros
Presidente da Câmara Municipal de Almada

“Foram décadas de estudos e durante essas décadas o que aconteceu à Fonte da Telha foi deteriorando-se cada vez mais …. o que aconteceu à duna primária foi deteriorando-se cada vez mais e cada vez mais havia mais carros sobre aquela duna mais autocarros sobre aquela duna……
Se há população que concorda com aquela obra, é a população da Fonte da Telha……
Porque a população da Fonte da Telha tem sentido que há décadas é abandonada e deixada á sua sorte……
Daqui por um ano a terá uma duna primária como há muitos anos não tem na Fonte da Telha…..
Foi tudo feito em articulação com as entidades responsáveis …..
O Pavimento que foi posto é o pavimento que foi aprovado no POC é o pavimento aprovado pelo ICNF…..
Estamos a trabalhar para criar um verdadeiro Plano de Pormenor…..
Estamos a fazer estudos as incidências ambientais e certamente os resultados serão surpreendentes.”

A população da Fonte da Telha concorda com a obra

29 de Junho 2020 Assembleia Municipal de Almada Inês de Medeiros Presidente da Câmara Municipal de Almada“Foram décadas de estudos e durante essas décadas o que aconteceu à Fonte da Telha foi deteriorando-se cada vez mais …. o que aconteceu à duna primária foi deteriorando-se cada vez mais e cada vez mais havia mais carros sobre aquela duna mais autocarros sobre aquela duna……Se há população que concorda com aquela obra, é a população da Fonte da Telha……Porque a população da Fonte da Telha tem sentido que há décadas é abandonada e deixada á sua sorte……Daqui por um ano a terá uma duna primária como há muitos anos não tem na Fonte da Telha…..Foi tudo feito em articulação com as entidades responsáveis …..O Pavimento que foi posto é o pavimento que foi aprovado no POC é o pavimento aprovado pelo ICNF…..Estamos a trabalhar para criar um verdadeiro Plano de Pormenor…..Estamos a fazer estudos as incidências ambientais e certamente os resultados serão surpreendentes.”

Publicado por Sultv em Terça-feira, 30 de junho de 2020

E o Sol da Caparica começou em cheio, com grande cartaz

17 de Agosto 2018
Inês de Medeiros Presidente da Câmara Municipal de Almada
“Não consigo esconder a emoção de ouvir o Jorge Palma sozinho naquele palco imenso com o seu piano.
PS: Por princípio não respondo a boatos por mais absurdos que sejam mas fui tantas vezes interpelada hoje que aqui vai a declaração oficial: não está, nem nunca esteve previsto, nem isso nunca passou pela cabeça de nenhum de nós, passar o Sol da Caparica para o parque da Paz em Almada. É uma genuína, absoluta e primorosa « fake news »
Eu chego a admirar a imaginação para quem nada mais faz do que espalhar ideias absurdas na net.”

Veja mais em ::::> Inês de Medeiros

Bruno Vitorino reafirma que «quem ganha governa»

PSD ao aceitar pelouros reafirma disponibilidade para trabalhar pelo Barreiro


“Mas quem ganha sem maioria absoluta tem que dialogar. O PSD não é, nem nunca foi, adversário do Barreiro. Recusamos sempre políticas de terra queimada. Pretendemos sim trabalhar pelo concelho. Por isso sempre estivemos disponíveis para aceitar pelouros, desde que também sejam dadas condições para trabalhar nessas áreas”, afirma Bruno Vitorino.

O presidente do PSD Barreiro e vereador na Câmara Municipal, Bruno Vitorino, diz que os eleitos social-democratas “estão hoje, como sempre estiveram, disponíveis para trabalhar pelo Barreiro e para os barreirenses”.
Bruno Vitorino reafirma que “quem ganha governa”, respeitando os resultados eleitorais e a vontade dos barreirenses.
“Mas quem ganha sem maioria absoluta tem que dialogar. O PSD não é, nem nunca foi, adversário do Barreiro. Recusamos sempre políticas de terra queimada. Pretendemos sim trabalhar pelo concelho. Por isso sempre estivemos disponíveis para aceitar pelouros, desde que também sejam dadas condições para trabalhar nessas áreas”, afirma.
Contudo, garante que “não passa cheques em branco”, pois os mesmos que deram a maioria ao PS na autarquia, também votaram no PSD para estar no executivo a fiscalizar a atividade da Câmara Municipal.
“Estamos disponíveis para trabalhar, mas não deixaremos de ser uma oposição forte, mas construtiva, uma voz atenta aos problemas do Concelho”, sublinha.

Bruno Vitorino diz ainda querer clarificar que “não há acordos nem coligação, mas sim a procura de pontes, diálogo e entendimento”, dando como exemplo a disponibilidade do PSD para integrar os executivos das juntas de freguesias.
O social-democrata informa que se disponibilizou para trabalhar num conjunto de áreas para as quais entendia que o seu contributo ajudaria o concelho, como as atividades económicas, turismo, ação social, desporto, sustentabilidade ambiental, entre outras. “As áreas que aceitámos foram aquelas que o presidente da CMB entendeu propor, e que eu aceitei. Como sabem decorre da lei ser essa uma competência do presidente”.

Por último, Bruno Vitorino afirmou que não vai “deixar cair” aquilo que foram as suas propostas eleitorais. “Muitas destas propostas voltarão a ser apresentadas. Esperamos, em diálogo, que algumas possam vir a ser aceites. O PS ganhou, mas não teve maioria absoluta, por isso terá que dialogar. Nós estamos disponíveis para dialogar, por isso esperamos que o PS também esteja”.

Fonte – PSD

Veja mais em ::::> ROSTOS

Seo wordpress plugin by www.seowizard.org.